terça-feira, 26 de fevereiro de 2019

Cartas para ninguém (29, 30, 31 e 32)



- 29
Estava aqui pensando que se meu computador der pau, eu vou perder todas as suas fotos, tirando as poucas que eu tenho no celular e a que está no quadro. E o meu celular não é lá essas coisas.
Eu vou salvar as fotos na nuvem.
Vou fazer isso.


- 30
Salvei as fotos e gravei em um CD que eu tinha aqui em casa também.
É só isso que eu tenho pra hoje.
Eu também acho que peguei gripe.


- 31
O Robinson passou lá na loja hoje de manhã. Justo hoje que eu não fui trabalhar. Foi a primeira vez esse ano. Eu continuo não atendendo as ligações dele. Fiquei sabendo pelo meu chefe. A ligação dele eu atendi, é claro.
Na verdade foi o meu chefe que apareceu aqui no apartamento. Trouxe uma cartela de comprimidos pra gripe.
Acho que eu nunca vou ter chefe que nem esse senhorzinho.


- 32
A gripe está passando e acho que amanhã eu já volto a trabalhar.
Estou pensando em visitar minha mãe em São Paulo nesse fim de semana.
Tenho pensado muito em você ultimamente.


Parte 8 do conto de Lucas Beça

Nenhum comentário:

Arquivo do blog