sexta-feira, 28 de abril de 2017

Por dudu oliva



0

quinta-feira, 27 de abril de 2017





João Paulo Mesquita Simões











Inicialmente um fenómeno local, Fátima adquiriu em escassas dezenas de anos a dimensão nacional e mundial que hoje lhe reconhecemos, como um dos mais relevantes santuários marianos. Por ocasião do Centenário das Aparições de Nossa Senhora de Fátima, os CTT Correios de Portugal, lançaram a público uma emissão filatélica comemorativa da visita de Sua Santidade o Papa Francisco ao Santuário de Fátima, que irá decorrer no próximo mês de maio.

Estas emissões foram apresentadas no passado dia 13 de março, um mês antes de se celebrarem os 100 anos que passaram sobre a primeira aparição de Fátima, um dos fenómenos religiosos mais importantes do mundo. Para além dos selos, o livro editado pelos CTT, procura revisitar não só a história das Aparições e dos três videntes, mas também a história dos espaços físicos do Santuário e a relação de Fátima com os vários papas, ao longo dos últimos cem anos.

Texto e imagem, baseados em www.ctt.pt

0

terça-feira, 25 de abril de 2017


Nunca havia experimentado tamanha gostosura. Mas teve que deixar o sorvete caseiro hipster pela metade. Não merecia tudo aquilo.


Entraram na nave. Mais uma missão completa. Marte estava a salvo. Mais uma vez. Graças a eles. Exceto pelo piloto. Ele não fazia nada. Apenas batia o ponto e só saia da nave pra comprar café.


Cinco dias para ser executado.
“Faço qualquer coisa para me tirar daqui, xerife. Pelo amor de Deus!”
O xerife hesitou.
 Abriu um sorriso.
“Ok. Vou te soltar.”
“Mesmo?”
“Não.”


O quadro havia sido pintado. Uma porcaria. Mas ele não tinha bom senso. Pendurou na parede da sala para todos verem.


Escrevia em seu computador. Ouvia música. Balançava a perna constantemente (uma mania incontrolável que não percebia).
Bebia café aos montes para se manter acordado.


Entrou no estádio pela primeira vez depois de anos. O time perdeu, de virada. Mas valeu a pena. Sentiu-se em casa novamente.


Por Lucas Beça
0

segunda-feira, 24 de abril de 2017


Crônica de Gustavo do Carmo

Hoje, a moda é ser um youtuber. Atores e apresentadores que estão fora da TV ou querem aparecer mais e gente que aspira a fama, inclusive o nosso colaborador Dudu Oliva (do qual gosto muito dos seus vídeos), logo criam um canal no You Tube. Outro colaborador do Tudo Cultural, o João Paulo Simões, também dá umas dicas de filatelia por lá.
0

sexta-feira, 21 de abril de 2017

Por dudu oliva



0

quinta-feira, 20 de abril de 2017

João Paulo Mesquita Simões









Este postscriptum complementa mais a informação desta emissão conjunta.

Na imagem, há um picotado que separa o selo dos "40 anos". Há também uma mini folha com dez selos virados uns contra os outros.

Significa isto que, por ser uma emissão conjunta, há critérios a seguir. Assim, os Israelitas, costumam colocar os seus selos de costas com costas. Nós, em Portugal, embora não tenhamos esse hábito, seguimo-lo, dado ser uma emissão dos dois países.

Infelizmente, não tenho essa mini folha. Mas deixo aqui então a imagem do selo que constitui essa mini folha.


0

terça-feira, 18 de abril de 2017


Era sábado. Mais um sábado em que Matheus não sabia o que fazer. Acordou tarde. Tomou um banho, bebeu o resto do café frio do dia anterior e saiu para almoçar fora, em um restaurante barato próximo de seu apartamento.

0

segunda-feira, 17 de abril de 2017


Conto de Gustavo do Carmo

Um banco lotado. Fila enorme. Hércules está nela. Aliás, a fila é daquela sentada, com senha. E as cadeiras ainda são desconfortáveis. Há cinco guichês, mas apenas dois funcionários estavam atendendo. Um deles somente para os idosos.

0

domingo, 16 de abril de 2017



E todas as vezes que te dizia que gostava de ti, você não acreditava.
Fingia não ouvir, ou ignorava
E eu te daria o mundo, fazia tudo pra te ver feliz
Te daria meu coração, mas vc não quiz
Lhe escrevi mil poemas de amor
Em resposta, você apenas sorria.
Estar com você era tudo e somente o que eu queria
Talvez pra você eu fosse louca, ou estava exagerando
E nessa brincadeira ninguém saiu ganhando...
Fui me fechando, me esquivando
E vc imóvel na sua
Sem imaginar o quanto cheguei a lhe amar
Sem saber que eu só queria você

Ana Suely Marques
*TODOS OS DIREITOS RESERVADOS*
#AmorPlatonico #PaixaoLouca #PoemAsDeAmor #VamosPoetizarOMundo
0

terça-feira, 11 de abril de 2017


Matheus estava divorciado. Havia passado cinco meses desde que ele e a ex-mulher assinaram os papéis e o máximo que ele fazia era passar no mercado na volta do trabalho. Morava agora em um pequeno apartamento alugado.

0

segunda-feira, 10 de abril de 2017


0

Foto: Gustavo do Carmo

Chocólatra
Tentou conquistar a sua amada chocólatra dando-lhe um Ovo de Páscoa de 6kg. Não sabia que ela era diabética.

0

sexta-feira, 7 de abril de 2017

Por dudu oliva



Que posta e fica consertando depois.
Escreve eSpectativa e outras "pérolas" mais.
Não sabe onde coloca a crase e adora comer palavras e letras.
Tem problema com concordância nominal e verbal.
Esqueceu o que é advérbio, locução, sujeito e predicado.
Sou aquele que ninguém deve seguir como exemplo.
Mas, sou aquele que sempre vai ao Google para relembrar coisas que aprendeu na escola, mas, que na época, considerava sem importância.
0

quinta-feira, 6 de abril de 2017



João Paulo Mesquita Simões



As relações diplomáticas entre Portugal e Israel, já existem desde finais dos anos cinquenta, embora só a nível de embaixadas tenha iniciado em 1977, comemorando-se por isso os 40 anos deste evento para os dois Estados.


0

terça-feira, 4 de abril de 2017


Matheus acordou com raiva. Mais uma vez. Havia despertando desse jeito fazia já umas três semanas. No sofá. Naquele sofá de três lugares desgraçado e desconfortável. Hoje ele se arrepende por ter escolhido o mais barato.

0

segunda-feira, 3 de abril de 2017



Conto de Gustavo do Carmo, inspirado em um comercial de analgésico

Era o goleiro do time dos solteiros. Mas Nonato era um grande frangueiro. Tomava gols inacreditáveis. Defesas fáceis se transformavam em tentos. Contras. Todo sábado seu time era impiedosamente goleado pelo time dos casados.

Nelsaldir, o capitão do time dos solteiros, inspirado pelo comercial de analgésico na televisão, teve uma ideia: decidiu apresentar ao companheiro de time frangueiro uma amiga de sua irmã. Irene era morena clara, magrinha, seios de médios para fartos, cabelos cacheados e muito carismática, embora estivesse se sentindo solteirona aos 25 anos. Nonato se apaixonou imediatamente.
0

sábado, 1 de abril de 2017

Por dudu oliva














0

Arquivo do blog