segunda-feira, 11 de novembro de 2019

MICROCONTOS - FALSIDADE


Microcontos de Gustavo do Carmo 



Inverossímil
Era uma pessoa tão falsa que chegava a ser inverossímil.


Amélia
Além de vaidosa, Amélia era falsa e macha. Não deixou nenhuma saudade.


Formatação 
Conseguiu formatar sua própria memória para antes de fazer a pós-graduação e esquecer os falsos colegas. Resolveu fazer uma nova pós e se decepcionou novamente.


Amigo da onça
Pisou em falso. E o amigo da onça morreu pisoteado.


Papagaio
Era um papagaio de pirata. Seu dono falsificava CDs e roupas de marca.


Felizes para sempre
Viveram felizes para sempre depois que a Morte os separou. Cada um com o seu novo par depois da intriga da amiga invejosa e falsa. 


Pós-graduação 
Matriculou-se numa pós-graduação em telejornalismo. Descobriu que estava no curso de Teorias Marxistas de Deslocamento da Bolsa Escrotal Influente e Falsa Simpatia para Obtenção de Favores com Descarte por Elevação da Pirâmide Nasal Pós-conclusão. Enojado, abandonou. 


Falcão
Falcão era um homem falso que foi trabalhar como segurança de uma fábrica de alarmes. Foi demitido porque só dava alarme falso. 


Amor falso
O amor deles era tão falso que o ex-casal se beijou pela primeira vez ao som da dupla Milli Vanilly.

Nenhum comentário:

Arquivo do blog