segunda-feira, 8 de agosto de 2016

MICROCONTOS - VERDADE



Microcontos de Gustavo do Carmo




Lá Fora
— A Verdade está lá fora. Disse a empregada. 
— Deixa ela esperando. Estou mais interessada na Mentira da TV. 


Dono
Se achava o dono da verdade. E era mesmo. Só ele tinha direitos para escrever a biografia de um conhecido cantor. Processou um pobre blogueiro. Ganhou a causa.



Dolorosa
Ouviu a dolorosa verdade. Não sentiu dor porque estava anestesiado.


Nua e crua
Vestiu a verdade e a cozinhou. Tinha encontrado-a nua e crua. 


Pessoa amada
Trouxeram-lhe a pessoa amada em apenas um dia. Para lhe dizer algumas verdades desagradáveis. 


Mentiroso
Era tão mentiroso que no Dia da Mentira só falava a verdade. 


Alívio
A verdade lhe doeu. Aliviou-se com uma mentira. 


À tona (I)
A Verdade veio à tona. Mas ela afundou de novo e se afogou de vez. 


À tona (II)
A Verdade veio à tona. Mas o psicopata tentou afogá-la de novo. 


A cavalo
A Verdade veio a cavalo. Mas caiu na chegada e ficou tetraplégica. 


Sempre aparece (I)
A Verdade sempre aparece: drogada e caída na sarjeta. 


Sempre aparece (II)
A Verdade sempre aparece. Desta vez, apareceu morta. 

Arquivo do blog