segunda-feira, 12 de outubro de 2015

MICROCONTOS - DESDE CRIANÇA

Microcontos de Gustavo do Carmo 


Fofoqueira
Desde criança, suas fofocas separaram os pais, primos e tios. Quando separou os avós, foi expulsa de casa pela mãe. Cresceu e se tornou a jornalista mais influente na área de celebridades. 


Assassino
Quando criança adorava matar os passarinhos de casa. Cresceu e virou dono de funerária. 

Pai
Quando criança preferia as mulheres mais velhas. Foi pai pela primeira vez aos 70 anos, engravidando uma moça de 21. 


Pernas
Viveu eternamente dependente do dinheiro do seu pai. Não tinha pernas para caminhar sozinho. Foram amputadas em um acidente que sofreu quando criança.


Estraga prazeres
Desde criança é um estraga prazeres. Começou quando entrou no quarto dos pais que transavam. Quando adulto, tornou-se garçom de motel.


Criança pobre
Devolveu a criança pobre, agora um adulto rico e crescido, para a sociedade. Tinha trocado seu cachorro por ela, atendendo à sugestão da velha música. 


Criança Tardia, Idoso Precoce
Era uma criança tardia porque não cuidava dos dentes quando adulto. Tornou-se um idoso precoce quando teve que usar dentadura aos 35 anos. 


Ganso
Afogou o ganso do irmão mais velho quando criança. Cresceu arrependido de ter matado o seu bicho de estimação.


Sem limites
Quando criança não tinha limites de tão mimado. Cresceu e virou um aventureiro sem limites. 


Atropelador
Quando criança atropelava a conversa dos outros. Cresceu mimado e atropelou os outros com o seu carro importado.


Papai e Mamãe
Só fazia papai e mamãe. Retribuiu no sexo com a esposa o carinho, educação e mimos que recebeu dos pais quando criança. 


Segredo da Vida
Descobriu o segredo da Vida. Ela matou, quando criança e sem querer, a irmã mais nova, chamada Felicidade.

Nenhum comentário:

Arquivo do blog