quinta-feira, 18 de outubro de 2018

500 anos do Correio



João Paulo Mesquita Simões



Vão-se celebrar os 500 anos do Correios em 2020.

No passado dia 9 de outubro, os CTT - Correios de Portugal, lançaram uma emissão alusiva ao tema, sendo já pertencente ao 2º grupo de emissões dedicadas a este tema.

Composta por quatro selos e um bloco, apoia-se esta emissão, no património Museológico dos CTT, viajando desde os Correios-Mores, representado pelo selo de 0.53€, com a imagem de dois sacos de rede, usados para o correio especial, e de uma carta de Confirmação de Ofício datada de 1756, até aos dias de hoje.

A balança Pesa-Cartas de Lourenço de Araújo, cujo selo tem o valor de 0.65€, e a Caixa da Mala-Posta do Alentejo, data de 1830, e foram escolhidos para representar a primeira metade do século XIX, sendo que a outra metade, foi para desenvolvimento dos sistemas de transportes e comunicações, como se pode observar no selo de 0.86€ com a diligência nº 7, ex-libris da história do Correio.

Chegamos ao século XXI, com a imagem de um veículo elétrico, recentemente adquirido pelos CTT, e conhecido pelo Ovo, para distribuição citadina, e tem o valor facial de 0.91€.


Já o bloco, com o valor de 2.00€, representa o Plano Geral de Edificações dos CTT, projetos que visam combater a degradação e inadequação de muitos imóveis usados pela empresa, estando em destaque o moderníssimo edifício dos Correios do Estoril, um marco da nossa moderna arquitetura.



  

Nenhum comentário:

Arquivo do blog