quinta-feira, 19 de julho de 2018

A queda do selo?

João Paulo Mesquita Simões







Ontem dirigi-me a uma casa filatélica em busca de umas séries para enviar para um correspondente meu na Malásia.

O senhor tinha-me pedido algumas séries de aves da Roménia, Albânia.

Levei fotocópia das séries e, no meio de tanto selo, de tanto classificador, não havia aqueles selos.

A resposta da senhora que me estava a atender, foi de que seria difícil encontrá-los. Só consegui trazer duas séries de selos portugueses.

Perante este facto, e tendo já lido que os selos estão a desvalorizar na ordem dos 60%, e como também tenho vindo a mencionar, as Redes Sociais, o Email e toda a Internet, sobrepõem-se ao selo, um dia uma raridade! 

Nenhum comentário:

Arquivo do blog