quinta-feira, 30 de novembro de 2017

Cafés emblemáticos de Portugal - Parte 1



João Paulo Mesquita Simões


"Nas últimas décadas, Portugal sofreu um processo de profunda alteração territorial, com a saída das populações dos velhos centros urbanos para as novas periferias e a imposição de um outro paradigma, baseado nas grandes superfícies comerciais, com claro prejuízo para o comércio tradicional. A «cultura de café» diluiu-se nos novos hábitos e algumas das casas mais conhecidas fecharam portas neste período. Apesar disso, muitos estabelecimentos sobreviveram e apresentam hoje uma história para contar." 





Este é o primeiro post de duas emissões do primeiro e segundo grupo sobre cafés emblemáticos de Portugal, que vos irei apresentar ao longo de umas semanas.

O primeiro selo da primeira emissão, representa o Café Santa Cruz em Coimbra.

O Café Santa Cruz, está situado na Igreja Santa Cruz, e é o único café do país que se encontra no próprio edifício religioso.

A inauguração do luxuoso Café-Restaurante de Santa Cruz ocorre a 8 de Maio de 1923 e é notícia em todos os periódicos da altura. Esta data foi escolhida uma vez o Café se localiza na Praça 8 de Maio.

O edifício, construído de raiz em cerca de 1530, para servir de igreja paroquial, conheceu outras funções após a sua dessacralização: um armazém de ferragens, uma esquadra de polícia, armazém de canalizações, casa funerária, estação de bombeiros...

Após muita e demorada controvérsia acerca da instalação de um café restaurante de estilo manuelino, junto da Igreja de Santa Cruz, tudo se resolve com a alteração do projecto fachada da autoria do arquitecto Jaime Inácio dos Santos.

In: http://www.cafesantacruz.com/cafe.html


Nenhum comentário:

Arquivo do blog