sexta-feira, 11 de fevereiro de 2011

CONTRADITÓRIO

Por dudu oliva

Eu me sinto assim toda hora. Não quero ter preconceitos e me percebo tendo vários pensamentos e ideias conservadoras. Desejo viver em plena liberdade, mas adoro conforto e nem me consigo imaginar fazendo necessidades fisiológicas no mato.

Sou tolo, pois tropeço na minha hipocrisia de achar que sou diferente dos demais. Entretanto, nunca desistirei de arrancar dentro de mim preconceitos e a falta de ética que assolam o meu país por gerações.

Observo as pessoas ao redor e elas sempre tropeçam no próprio ego. Não quero isto para mim. Sou um indivíduo somente e que tenta ser alguém melhor.

Não serei mentiroso de dizer que não ligo para conforto, mas ao longo da minha vida procuro algo mais que posição social. Estou à espera de uma revelação.

Nem estou parado, caminho na busca de me realizar em todos os sentidos.

Nenhum comentário:

Arquivo do blog