domingo, 29 de novembro de 2009

PRIMEIRA PÉROLA

Por Ed Santos

Algum tempo atrás o Arnaldo Jabor lançou um livro. O título: “Pornopolítica”. Em se tratando de Jabor, normal, ele adora inventar palavras e vez por outra é um tanto polêmico. O Pasqüale está no seu encalço. A minha mulher, professora de Literatura no ensino médio, recentemente pediu pros seus alunos lerem, resumirem, analisarem, criticarem e entregarem digitado e impresso em papel sulfite A4, Arial 12, espaço duplo – que é pra ela poder ver melhor. Dois graus e meio de miopia nos dois olhos. Tudo isso pro próximo bimestre.

Os alunos entregaram os trabalhos e a minha querida e míope professora de Literatura mostrou-se totalmente ansiosa. Até parece que sabia da qualidade dos resumos que os alunos providenciariam. Naquela noite, já deitada na cama ela tira um punhado de folhas avulsas de dentro de um envelope pardo:

- Estou doida pra corrigir isso. Quero ver as idéias deles!

- Marizete! Você vai ler tudo isso na cama mulher?

- Sim senhor. E nem venha me atrapalhar nesse trabalho aqui! Sexo hoje neném, nem pensar! Só um pouquinho de pornô... escrito.

- Mas...

- Nem mas, nem meio mas! Você não imagina a sensação que estou sentindo. Tenho que ter cautela. O resultado dessa correção pode ser um vitalizador e tanto pras nossas noites.

- Não sei o que você viu nesse livro do Jabor. Depois que leu, ficou assim!

- Não é o livro é o título. Você viu a perfeição da palavra? Existe coisa mais original: P-o-r-n-o-p-o-l-í-t-i-c-a! Nooosssaaa!!! O Aurélio deve ter se revirado no caixão.

- Aurélio? Que Aurélio criatura?

- O Buarque de Holanda! Não teve a chance de ouvir algo tão sublime

- Meu Deus. Pirou mesmo!

•••

Na primeira correção...

- Sempre achei esse tal de Otávio um ótimo aluno, vou começar por ele.

“A Pornopolítica tomou conta das nossas vidas, ela se infiltrou em nossa casa através da mídia escrita, falada, rádio, tv e internet. Os homens adoram, mas as mulheres odeiam. No caso das que fazem programas, essas estão sempre preocupadas, pois pra fazer sexo com políticos elas até cobram mais caro.

- Meu Deus, que decepção!

- O que foi Marizete?

- O Otávio nem leu o livro, tenho certeza!

- Xi! Tô vendo que sexo hoje, sem chance!

Nenhum comentário:

Arquivo do blog