quinta-feira, 4 de junho de 2009

1935 - 1ª Exposição Filatélica Portuguesa


Por

João paulo Mesquita Simões


A Organização da 1ª Exposição Filatélica Portuguesa pediu aos CTT que emitisse uma emissão comemorativa da efeméride. A ideia era apresentar três selos desta emissão, mas não houve tempo para isso. Então, optou-se por um só selo, com legenda de Almada Negreiros e gravura de Arnaldo Fragoso.

Foi feita a reprodução do selo de 5 reis de D. Maria II, com a efígie da Monarca em relevo, o primeiro selo português. Utilizou-se para isso o cunho existente na Casa da Moeda donde saíram folhas de 100 selos denteados 11,5 sobre papel liso espesso. Foram emitidos 9.972.000 selos de 40 centavos vermelho. Circularam de 1 de Junho de 1935 a 30 de Setembro de 1945.


Breve história…


A 1ª Exposição Filatélica Portuguesa, teve a iniciativa de um notável coleccionador e comerciante Luís de Sá Nogueira, que constituiu uma comissão para levar a cabo esta exposição – a primeira realizada em Portugal. Presidida pelo Conde de Folgosa e composta por individualidades de destaque no meio filatélico, a Comissão Organizadora obteve o patrocínio da Comissão das Festas da Cidade, que incluiu a “Exposição” no programa dos festejos de Junho desse ano. Em 1 de Junho foi solenemente inaugurada por S. Ex.ª o Presidente da República General Carmona, nos salões da Câmara Municipal de Lisboa, onde se manteve aberta até ao dia 15 do mesmo mês.


(Esta breve história, foi baseada em Livros electrónicos de Carlos Kulberg, Álbum II)

Nenhum comentário:

Arquivo do blog